Image
Icon
Ricardo | 9. novembro 2021

Mudanças drásticas a caminho: Saiba o que vai mudar no FIFA 23

Se compararmos as críticas do FIFA 21 para com essa sua nova edição, fica óbvio que o FIFA 22 está longe de ser um dos jogos mais criticados por parte de toda a comunidade de jogadores de FIFA nacional. Ainda assim, como iremos perceber agora, FIFA 22 está longe de ser um jogo perfeito, principalmente no que toca a sua jogabilidade (que mudou muito, se tornando muito mais lenta). Talvez por isso os primeiros detalhes sobre o FIFA 23 possam até já estar surgindo.

Por exemplo, sabia que o mais provável será mesmo que o próximo FIFA deixe de ter esse nome? Ou seja, ao invés da EA Sports poder apresentar o título “FIFA 23”, o mais provável é que migre mesmo para o nome EA Sports FC, que até já foi registrado oficialmente no Reino Unidos e nos Estados Unidos. Porém, estaria enganado em pensar que esse poderia ser a única mudança prevista para esse famoso jogo de simulação de futebol.

FIFA 23 | EA Sports comenta sobre FIFA gratuito; Entenda!

Na verdade, segundo relatos ainda não confirmados pela própria EA Sports, se espera que se possa perder o direito de muitos nomes de times para a próxima edição. Um pouco como já acontecia com o antigo PES, a verdade é que a EA Sports também poderá já estar sentindo sérias dificuldades em conseguir renovar suas licenças de nome para os principais times. Ora, certamente que isso iria significar uma perda de qualidade gigante na jogabilidade do próximo FIFA, que provavelmente nem sequer terá esse nome.

Lenda Maradona está em risco nesse FIFA 23

As notícias sobre a saída da lenda Maradona do jogo são outro sinal de que algo não está nada bem para a EA Sports. Mesmo tendo o domínio total do jogo de simulação de futebol – uma vez que a Konami claramente já perdeu essa corrida -, a verdade é que a desenvolvedora está em disputa pela licença do nome e imagem de Diego Maradona, aquele que foi um dos melhores jogadores do mundo.

FIFA 22 pode perder Maradona por conta de direitos de marca

Ao que tudo indica, segundo informações de portais de notícias argentinos, os advogados que estão responsáveis pela fortuna de Maradona, após sua trágica morte, garantem que a EA Sports não tem autorização válida para estar lucrando com a imagem do astro argentino. Portanto, a não ser que as duas partes consigam chegar a um acordo rapidamente, não será previsível que os jogadores do próximo FIFA 23 possam ter a opção de jogarem competitivamente com Maradona, algo que seria uma enorme perda.

No entanto, o mesmo poderá estar acontecendo com outras lendas, principalmente aquelas que já faleceram e têm agora suas famílias lutando por compensações ou então maior privacidade. Restará agora perceber se serão apenas as lendas que estão com a abertura para saírem da EA Sports, após tantos anos em parceria. Certamente que será um risco ter agora mais jogadores detentores de seus direitos de imagem, pois irão exigir, cada vez mais, compensações mais elevadas.

Times italianos já não estão nesse FIFA

FIFA 21: Juventus não terá licença este ano e estará como Piemonte Calcio  novamente

É importante notar que a EA Sports, historicamente, já sentiu muita pressão para conseguir obter as licenças dos principais times, dos grandes Campeonatos. Porém, tal nem sempre é possível, o que claramente faz com que a jogabilidade não seja tão real ou agradável. Contudo, uma vez que a concorrência pelos jogos de futebol online está também aumentando, poderá ser que haja leilões abertos para as licenças dos grandes times.

Na verdade, é precisamente isso que a organização FIFA está fazendo com os direitos de seu nome. Mesmo estando em parceria com a EA Sports desde 1993, a Entidade mundial está encarando diferentes possibilidades. As conversações com a Epic Games, dona do Fortnite, já são públicas, por exemplo.